PerforMix

PERFORMIX



QUINTA-FEIRA, 03 DE DEZEMBRO

19h30 – JANELA QUEIMADA –  Como se fosse um sonho várias janelas se abrem na casa de duas mulheres sozinhas. Mas se manterão abertas? Janelas externas e internas, Várias frestas se rompem para dar a luz a segredos submersos no mundo e no corpo. Onde vários abusos vem a tona. (15 min). Performers: Gisela Lourenção, Rkel Saraceni e Edson Gonçalves. Onde: Youtube/Sympla.

Link: https://www.facebook.com/grupotresdigitais/live/ . 16 anos.

23h30 – SACOS DE LIXO PARA SALVAR O MUNDO – Como demonstrar amor sem abraçar? Através de uma intervenção espacial nas ruas, a performance pede uma participação ativa do espectador para a libertação do sorriso que está sufocado embaixo da máscara, convocando seu corpo ao movimento e à expressão de seus sentimentos, já que tanto o toque, a aproximação quanto o ato de sorrir estão agora impossibilitados de serem recrutados no agir. (70 min). Performers: Katharina Câmara. Onde: Zoom/Sympla/Facebook.

Link: https://www.sympla.com.br/sacos-de-lixo-para-salvar-o-mundo__1066446 . Livre.

21h00 – ÍNTIMO ESTRANHO – Uma criação coletiva imersa em pesquisas ocorridas durante a quarentena. As cenas foram desenvolvidas por meio da reflexão de cada performer, com o objetivo de ressignificar diferentes nuances de suas intimidades durante esse período. (30 min). Performers: Cellia Rodrigues, Jorge Bascuñan, Marina Basthos e Olivia Bandeira. Onde: Zoom/Sympla.

Link: https://www.sympla.com.br/intimo-estranho__1064523 . 12 anos.

23h00 – ARTHURXBERNARDO – ArthurXBernardo é uma performance em forma de live-game na qual o artista de forma randômica inicia um game pela internet com a participação de jogadores anônimos e a partir da qual vão se desenvolvendo diálogos de caráter crítico sobre arte e sociedade contemporânea. (30 min). Performers: Arthur Bernardo. Onde: Twitch/Sympla.

Link: https://www.twitch.tv/arthurxbernardo . 12 anos.



SEXTA-FEIRA, 04 DE DEZEMBRO

17h00 – ATO POÉTICO LIBERTE UM SORRISO – Como demonstrar amor sem abraçar? Através de uma intervenção espacial nas ruas, a performance pede uma participação ativa do espectador para a libertação do sorriso que está sufocado embaixo da máscara, convocando seu corpo ao movimento e à expressão de seus sentimentos, já que tanto o toque, a aproximação quanto o ato de sorrir estão agora impossibilitados de serem recrutados no agir. (60 min). Performers: Anna Cecília Junqueira. Onde: Instagram/Sympla.

Link: https://www.instagram.com/annaceciliajunqueira/?hl=pt-br . Livre.

20h00 – CILI & CONE IN CONCERT  – Cleber D’Nuncio e Cleber Tolini, se uniram na escola de teatro em 1998, formando a dupla Cili & Cone. São 22 anos de estrada, porém nunca estiveram juntos em cena. Eis que a pandemia os uniu. Foi preciso distanciamento para aproximá-los. Cili & Cone in Concert, é uma celebração a música, ao humor e a amizade. São performances cômico-musicais, de canções antigas e atuais, cantadas ao vivo. Interações online são bem vindas. (50 min). Performers: Cleber D’Nuncio e Cleber Tolini. Onde: Facebook/Sympla.

Link: https://www.facebook.com/cleber.dnuncio . 14 anos.

21h00 – CHEBURASHKA – TERCEIRO ATO – As performances Cheburashka dos artistas e performers tradicionalmente acontecem no festival Satyrianas. Este é o terceiro ato, uma crítica político-psicológica que tem na figura de uma pelúcia falante – o personagem Cheburashka – com influência lynchiana o protagonismo de uma série de provocações políticas, desta vez por meio da videoconferência com os artistas em diferentes ambientes. (30 min). Performers: Anna Lima e Brunner. Onde: Instagram/Sympla.

Link: www.instagram.com/cineparayso . Livre.

22h00 – ACOR(DE)LÁ – aCor(de)lá é uma performance da musicista Tarita de Souza e da artista plástica Clarissa Mendes. A sonorização criada ao vivo por meio da voz e objetos sonoros inspira a pintura do quadro ao mesmo tempo que as cores e traços sugerem sons, em uma performance de improviso livre onde uma arte nutre a outra e juntas concretizam o quadro. (40 min). Performers: Tarita Souza. Onde: Zoom/Sympla.

Link: https://www.sympla.com.br/acordela__1065761. Livre.

23h59 – CONFINADO – Falar sobre isolamento. Sobre isolamento. Sobre Isolamento. A angustia de está só. A força da solidão. O valor da cultura do encontro. A Irresponsabilidade Social. O Corpo Político. O Posicionamento Político. A Força do Discurso. A Impotência. Os sentimentos não param. O medo também não. Sobre a experiência de estar isolado no quarto, perto de tudo e longe de todos. (15 min). Performers: Patrício Ramon. Onde: Instagram/Sympla.

Link: https://instagram.com/patricio.ramonn?igshid=9rwofv9a44ge . Livre.



SÁBADO, 05 DE DEZEMBRO

16h00 – ACORDAR – Vadis Cartus acorda repetidamente no mesmo dia, no mesmo lugar, passando por sete repetições em que reage aos estímulos dos estágios do luto, e a tessitura dramatúrgica se constrói em volta dessas sensações – o vazio, negação, a raiva, a barganha, a depressão, a aceitação e o recomeço. “Acordar” é um produto cultural híbrido, que dialoga com teatro físico, dança, música e audiovisual. (18 min). Performers: Vadis Cartus. Onde: YouTube/Sympla.

Link: https://youtu.be/eZjjdteZB8k. Livre.

17h00 – WEB FECTADO – ATENÇÃO! ISSO NÃO É UM VÍRUS. [OU PODE SER.] ALI3NÁTICOS apresenta: WEBFECTADOS Com o início da pandemia um novo vírus se instalou e esse por sua vez é transmitido online. A vida cibernética pode ser muito agregadora, mas também pode ser um empurrão do precipício. Você acha que é autoimune? Está protegido? *A cena acontece 100% online. Use máscara, pode conter corrosivos químicos. (35 min). Performers: Felipe Estevão, Tawany Rein, Camila Mendonça. Onde: YouTube/Sympla.

Link: https://www.youtube.com/watch?v=ynLnKJW58-k. Livre.

18h00 – CASA ABERTA 3 – No projeto “Casa Aberta 3″ a Cia Artes Val Leine investiga a linguagem da performance com o desdobramento do mote da casa – assunto central do conto do Conto “Casa Tomada” de Júlio Cortázar – friccionando a ficção e a circunstância real da vida em confinamento provocada pela pandemia. (60 min). Performers: Rodrigo Malaspina e Val Leine. Onde: Instagram/Sympla.

Link: https://www.instagram.com/cia_artesvalleine/. 16 anos.

18h00 – SAMENÔ:DEVANEIO! – O que significa Samenô pra você? Quem é você? Quem somos nós? O que é real? E o que é irreal? De que vale a vida? Somos o que somos ou o que querem que nós sejamos? Somos perguntas, ou respostas? (120 min). Performers: Letícia Cristal e Trix. Onde: Zoom/Sympla.

Link: https://www.sympla.com.br/samenodevaneio__1065849. 18 anos.

19h00 – EXPERIMENTO CÊNICO VIRTUAL: MEMÓRIAS DES-OCUPADAS – Memórias (Des)Ocupadas é um experimento artístico transportado para a virtualidade devido o contexto pandêmico. Este trabalho só foi possível após oito meses em processo, onde nossos artistas movimentaram muitas escutas e memórias pessoais acerca das suas experiências em fazer arte na periferia de SP. Partimos de uma pesquisa acerca dos efeitos materiais e simbólicos que o fechamento de um centro cultural causa em regiões como a que vivemos, com um histórico de pobreza e violência que ainda marca seus habitantes, para questionar: o que significa a morte planejada do espaço público nas periferias da cidade? (30 min). Performers: Allan Santoli, Aline Oliveira, Cleice Souza, Gustavo Nascimento, Gustavo Tomaz. Onde: WhatsApp/Sympla.

Link: https://www.sympla.com.br/experimento-cenico-virtual-memorias-des-ocupadas__1065694. Livre.

20h00 – JÁ DIZIA SARTRE – JÁ DIZIA SARTRE é uma performance musical, em formato de monólogo teatral, que conta a história de um poeta, que se mistura à realidade de sua vida com as canções e poemas, que representa em cena. O enredo se passa no inconsciente do Poema e na abstração de seu tempo interno, onde nosso protagonista, acha que é a entidade poesia, personificada em homem. Entre músicas e poemas, recortes de uma relação amorosa, são o fio condutor da narrativa do espetáculo performático. Um olhar sobre as “Novas Formas de Amar, parafraseando o título do livro da psicóloga e sexóloga Regina Navarro, são colocadas em pauta, onde a eclosão de um novo feminismo, o enfraquecimento do regime patriarcado, e a busca pela identidade de gênero, mexeram com os formatos, interesses e expetativas de como se relacionar. O homem tóxico, começou a ficar enfraquecido em nossa sociedade contemporânea e a busca pelo sagrado da mulher e do homem, abriram caminho para a busca da liberdade dos indivíduos. Esse é o percurso de nosso herói poeta, que como Édipo Rei, se cega e vai para sua caverna, para assim enxergar melhor o mundo que vive. (40 min). Performers: Thadeu Vivas. Onde: Zoom/Sympla.

Link: https://www.sympla.com.br/ja-dizia-sartre__1064559. 18 anos.

20h30 – ALICE EM BUSCA DA CAIXA DE PANDORA – Alice, apesar de todos os conflitos que foram gerados, no isolamento de meses em sua casa, afastada da Cidade. Acredita que assim como a caixa de Pandora, a humanidade ainda poderá ter a esperança de sobreviver em meio a toda a tempestade. A resiliência, e a esperança de acreditar que ainda há uma luz no fim do túnel. (20 min). Performers: Silvia Diaz. Onde: Instagram/Sympla.

Link: https://www.instagram.com/silviadiaz2015/. 16 anos.

21h00 – AXIOMA SUPRAFICÍE – Em esta ação performática intermídia Nataly França Mamede parte da construção e exposição do conceito de ‘SUPRAFICÍE’, superfície-supra-sensorial que funde tela, corpo, pixel, tinta e gestualidades em um processo orgânico-físico-tecnológico, que adentra suas fraturas afetivas e estratégias decoloniais. Trata-se de uma performance no limiar de campos como live painting, poesia, video-mapping, body art e arte sonora. (9 min). Performers: Nataly Mamede. Onde: Instagram/Sympla.

Link: https://www.instagram.com/natalymamede/. Livre.



DOMINGO, 06 DE DEZEMBRO

00h30 – I.A. – INOCÊNCIA ARTIFICIAL: EXPERIMENTO I – Um humano é submetido a uma experiência de reabilitação à natureza. Exilado em um parque urbano, ele permanece em constante exposição, pesquisadores e visitantes acompanham a este processo, fornecendo estímulos e observando suas ações e reações. (5 min). Performers: Henrique Decreci. Onde: YouTube/Sympla.

Link: https://www.youtube.com/channel/UCnXUmAO5t5ZpW_VSEp7CSGQ. Livre.

18h30 – DOIS –  A cada 2 segundos uma mulher é vítima de violência física ou verbal no Brasil. (90 min). Performers: Bianca Chiesurin e Dimitria Cruz. Onde: YouTube/Sympla.

Link: https://youtu.be/5r2X_gdeshU. 14 anos.

19h00 – CONSTÂNCIA –  Essa obra é o hiato entre o verbo dito e o engasgado. É ânsia de dizer o que não pode ser dito no clímax de numa sociedade massacrante e frenética, em que o “ser” é substituído pelo “ter” e atropelado pela tentativa de afirmação feminina. Constância é um grito mudo do ser humano. (10 min). Performers: Carol Gigante. Onde: YouTube/Sympla.

Link: https://www.youtube.com/channel/UCidTsptYUxkIiZhHMBI0Jew. 18 anos.

19h00 – LEMBRANÇAS DE UM OUTONO –  A mente humana é perigosa, nos tras lembranças que podem nos levar a óbito, no palco atores e bailarinos pra trazerem momentos que marcaram um ótimo intenso e romantico. (18 min). Performers: Acson Cruz, Alana Siqueira, João Pedro Alves, Jhonathan Gomes, Karoline Martins, Kayque Gonçalves, Lucas Ferreira, Natalia Silva e Victoria Grandinetti. Onde: Instagram/Sympla.

Link: https://instagram.com/joaopedroallvs?igshid=9qmgbhr7arsh. 12 anos.

20h00 – EU SOU OFÉLIA –  Eu Sou Ofélia , uma mulher sozinha, em meio a reflexões de um mundo caótico , no processo de uma pandemia que assola a todos.Uma mulher em desconstrução, que ao olhar no espelho , vê sua vida refletida nele. Seus fantasmas, medos, inspirações, solidão, desejos, sonhos. Aprendendo a ressignificar sua vida, apesar do caos que norteia o mundo. (20 min). Performers: Silvia Diaz. Onde: Instagram/Sympla.

Link: https://www.instagram.com/silviadiaz2015/. 18 anos.

21h00 – NOVENA DA NOSSA SENHORA INCENDIÁRIA – A novena de Nossa Senhora Incendiária surge a partir do projeto de insurgência artística e social Artelux como uma proposta de se utilizar a estética católica da novena para propor junto ao público uma série de “orações performáticas” a ser iniciada durante a Satyrianas e mantida por meio de uma série de outras oito videoconferências, com o desenvolvimento e apresentação de anseios por uma sociedade com maior clamor político-artístico-revolucionário. A novena conta com a imagem plástica/material da santa desenvolvida pelo artista, Brunner, que também conduz a performance. (20 min). Performers: Brunner. Onde: Instagram/Sympla.

Link: www.instagram.com/cineparayso. Livre.


Comments are closed.

Back to Top ↑
  • Twitter


  • Facebook