Teatro Adulto

CLIQUE NA SALA DESEJADA E CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DE TEATRO








TEATRO ADULTO

 

A Dona do Borogodó – Luana do Crato faz parte da segunda geração do humor cearense . O Ator e diretor teatral Luciano Lopes, dá vida a moça virgem do interior que narra suas histórias através de causos e piadas, uma mulher que luta pelos direitos de igualdade entre os gêneros e que busca no seu texto fazer com que a plateia ria e reflita sobre alguns problemas pertinentes a nossa sociedade. (40 min). Direção e Elenco: Luciano Lopes (Luana do Crato). Quando: Qui, 03/12 às 21h. Onde:  https://www.sympla.com.br/a-dona-do-borogodo__1066721 (Instagram/Sympla)

 

A Menina Moça – Uma menina passa pelo ritual de se transformar em uma moça sendo regida por homens. (30 min). Texto: Direção: Lucas Morais. Elenco: Amanda Mendez, Samuel Moraes e Lucas Morais. Quando: Sáb, 05/12 às 23h. Onde: https://www.sympla.com.br/a-menina-moca__1062902 (Instagram/Sympla)

 

A Ponte – Considerada sua obra mais pessoal, escrita e interpretada por Luccas Papp, “A Ponte” é um monólogo dramático que conta a história de Doni, um jovem músico que decide se jogar do alto de uma ponte e transmitir o ato em tempo real para os seus seguidores em uma live. Antes de pular, ele busca cumprir uma lista final de 9 ações “pré-suicídio”. Um espetáculo reflexivo, crítico, que dentre diversas temáticas aborda a “sociedade do cancelamento”, a depressão e suas sequelas, o perdão e principalmente a oportunidade de se reinventar. Realizada no alto de andaimes, e com uma trilha sonora icônica com clássicos e uma composição inédita, “A Ponte” é um grito de liberdade em um momento em que estamos presos não só em nossas casas, mas em nossos próprios fantasmas e culpas. (60 min). Texto, concepção e interpretação: Luccas Papp. Direção: Luccas Papp e Matheus Papp. *Este evento fornecerá uma quota de ingressos gratuitos. Quando: Qui, 03/12 às 20h e Sex, 04/12 às 20h. Onde:  Zoom / Sympla. Link: https://www.sympla.com.br/a-ponte__1058396 (sessão de quinta) Link: https://www.sympla.com.br/a-ponte__1058401 (sessão de sexta).

A Arte de Encarar o Medo – Em um futuro distópico, pessoas tentam reconstruir histórias de uma vida anterior à pandemia. Em quarentena há 5.555 dias, isolados e angustiados, criaram um grupo na internet para se conectar. Esses amigos não entendem como ainda existe energia elétrica nem acesso à web, porque as emissoras de televisão e os jornais deixaram de existir e as cidades foram abandonadas. A depressão, a solidão, o medo do contágio, a angústia pela proximidade da morte e o desespero diante dos ataques diários contra a democracia brasileira perpassam as cenas do espetáculo. (60 min). Texto: Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez. Direção: Rodolfo García Vázquez.  Elenco: Ivam Cabral, Eduardo Chagas, Nicole Puzzi, Ana Jorge, César Siqueira, Diego Ribeiro, Dominique Brand, Fabio Penna, Gustavo Ferreira, Henrique Mello, Julia Bobrow, Ju Alonso, Marcelo Thomaz, Marcia Dailyn, Mariana França, Nina Denobile Rodrigo, Pedro Lucas Alonso, Sabrina Denobile e Silvio Eduardo. Quando: Qui, 03/12 às 20h, Sex, 04/12 e Sáb, 05/12 às 21h e Dom, 06/12 às16h  Onde: Zoom/ Sympla.

Link Qui, 03/12: https://www.sympla.com.br/a-arte-de-encarar-o-medo__1069601

Link Sex, 04/12: https://www.sympla.com.br/a-arte-de-encarar-o-medo—viradinha-os-satyros__1061408

Link Sáb, 05/12: https://www.sympla.com.br/a-arte-de-encarar-o-medo—viradinha-os-satyros__1061411

Link Dom, 06/12: https://www.sympla.com.br/a-arte-de-encarar-o-medo—viradinha-os-satyros__1061412

 

AI5: Uma Reconstituição online – Reconstituição da noite de 13 de dezembro de 1968, em que o Conselho de Segurança Nacional se reúne com o presidente Gal. Arthur da Costa e Silva para votar a aprovação da proposta de Ato Institucional número 5. Sua já antecipada aprovação dará início à fase mais sangrenta do regime ditatorial civil-militar brasileiro, deixando feridas abertas que podem ser sentidas e vistas em nossas política e vida pública ainda hoje. (120 min). Direção: Paulo Maeda. Elenco: Dover Buzoni, Rafael Augusto, Lécio Rabello, Plínio Flima, Fernando Pernambuco, Ricardo Socalschi, Thiago Meiron, Renato Mendes, Michel Galiotto, Felipe Tercetto, Fabio Lacerda, Thales Alves, Leticia Negretti. Quando: Sáb, 05/12 às 20h. Onde: https://www.sympla.com.br/ai5-uma-reconstituicao-online__1065943 (YouTube/Sympla)

 

Beberei Menos Se Me Amares Mais – Beberei Menos Se Me Amares Mais nasceu de poemas autorais da atriz e poeta Leticia Negretti, que a partir de experimentações e provocações cênicas conduzidas pela diretora Nathália Bonilha, transformou sua obra poética em uma obra dramatúrgica. A personagem é o “”alter ego etílico”” da própria atriz, que verbaliza e expõe atitudes machistas de homens héteros nas relações amorosas e sexuais, lamentando a frieza dos amantes nos tempos de hoje em meio a um estado de embriaguez que desperta reflexões sobre a solidão, afeto e o fim dos tempos. (23 min). Texto e Elenco: Leticia Negretti. Direção: Nathália Bonilha. Quando: Dom, 06/12 às 21h. Onde:  https://www.sympla.com.br/beberei-menos-se-me-amares-mais-versao-online__1062861 (YouTube/Sympla)

 

Bereu – O espetáculo Bereu é resultado das pesquisas de mais de dez anos de convivência com as mulheres do presídio feminino Ana Maria Couto May em Cuiabá/MT, onde realiza oficinas de teatro, dança e figurino. BEREU é uma gíria usada nas prisões que significa “”bilhete, recado, carta”” entre as pessoas presas e também com o mundo aqui fora. (60 min.) Texto: Flávio Ferreira, Tainara Araújo, Janaina Borges, Mare Ferreira, Danielle Souziel, Keveny Kessia, Mariana Neves, Kayla Ilana, Tati Hardoim, Nanah Varela, Cléo Oliveira e Regina Queiroz. Direção: Flávio Ferreira. Elenco: Mare Ferreira, Danielle Souziel, Keveny Kessia, Mariana Neves, Kayla Ilana, Tati Hardoim, Nanah Varela, Cléo Oliveira e Regina Queiroz Quando: Sáb, 05/12 às 22h Onde: https://www.sympla.com.br/bereu__1062959 (YouTube/Sympla)

 

Birthday – Um drama familiar no qual a filha num trágico aniversário confessa abuso do padrasto. (60 min). Texto e Direção: Maurício Lencastre. Elenco: Sabrina Lee. Quando: Sáb, 05/12 às 22h30min. Onde: YouTube Feed

 

Capitu – Espetáculo interativo – Dom Casmurro está processando Capitu de traição, e o caso foi parar em um tribunal do júri onde a plateia poderá ouvir os depoimentos e definir a sentença. (80 min). Texto: Pedro Fagundes. Direção: Jonatan Cabret. Elenco: Jheny Goll, Maicke Ferreira e Talles Paz além de grande elenco. Quando: Dom, 06/12 às 16h. Onde: Sympla/ Zoom. Link: https://www.sympla.com.br/capitu—espetaculo-interativo__1069123

 

Carta ao meu Corpo – Carta ao meu Corpo é um pedido de desculpas das atrizes para si mesmas por todas as vezes em que se torturaram, se odiaram e mais que tudo desejaram ser outro alguém. Uma cena de reconexão, busca pelo autoconhecimento e pela auto aceitação do próprio corpo. Num reconhecimento com a própria história, a atriz Rafaela Jacon Dutra traz essa reflexão para a plateia com essa carta de reaproximação consigo mesma. (23 min). Texto: Rafaela Jacob Dutra. Direção: Larissa García. Elenco: Rafaela Jacon Dutra, Gabriela Severini, Camila Ribeiro. Quando: Dom, 06/12 às 18h. Onde: https://www.sympla.com.br/carta-ao-meu-corpo__1066765 (Zoom/ Sympla)

 

Carta ao Pai – Em um sanatório, internado com tuberculose, o oprimido e doente autor judeu Franz Kafka escreve uma carta para seu pai, o opressor comerciante Hermann Kafka, em que fala do seu medo da figura paterna e da sua relação com ele em um acerto de contas de anos. A carta presta contas sobre seu passado tirano e propõe soluções sobre o convívio pacífico entre os dois. Por interferência de sua mãe, a carta nunca foi entregue ao seu destinatário. O espetáculo propões uma reflexão sobre a relação entre pais e filhos, opressores e oprimidos e fala da leveza da vida através de um viés sombrio, ao estilo do autor. Dionisio Neto vive o pai e o filho. Texto, Direção e Atuação: Dionisio Neto. Quando:  Sex, 04/12 às 18h. Onde: Sympla/ YouTube Link: https://www.sympla.com.br/carta-ao-pai__1069284

 

Click – Tudo o que eles querem é uma saída, mesmo que seja mortal. Juliano, Barbara e Sofia: uma família perturbada pelo sofrimento e castigada pela vida! Eles se enfrentam desesperadamente numa busca insana pela liberdade, que pode vir através de um jogo capaz de definir o destino de cada um. O que você mais teme: a vida ou a morte? Você seria capaz de julga-los? (20 min). Texto: Maycon Turell. Elenco: Hebert Freitas, Marta Régia e Tawany Rein. Quando: Sex, 04/12 às 19h. Onde:  YouTube / Sympla Link: https://www.sympla.com.br/click__1069492

 

Como minha Mãe na Hiperterapia – Uma tragédia pós moderna sobre o medo – Através do formato MasterClass o Hiperterapeuta Apolo mostrará todas as suas técnicas infalíveis para a construção do humano auto determinado, dono de si. Inspirado na Trilogia Tebana de Sófocles, o ambiente virtual se torna perfeito para que a vida viva da pós modernidade possa viver, para que possamos questionar o medo que sentimos do medo de ter medo. (95 min). Direção: Carlos Favalli. Elenco: Aliyne Gama, Danielle Zipperer, Gabrielle Costa, Gê Guimarães, Iris Carvallho, Ronaldo do Egitho, Silvio Sanches. Quando: Dom, 06/12 às 18h. Onde: https://www.sympla.com.br/como-minha-mae-na-hiperterapia—uma-tragedia-pos-moderna-sobre-o-medo__1067668 (Zoom/Sympla)

 

Conselho de Classe – No Conselho de Classe da Escola Estadual Dias Gomes, uma reunião de professores é desestabilizada pela chegada de um novo diretor. Este encontro faz eclodir dilemas éticos e pessoais em meio a decisões que se confundem nas relações de poder na instituição de ensino. A abordagem realista da reunião escolar gera um diálogo acerca das questões macro e micropolíticas da educação. (80 min). Texto: Jô Bilac. Direção: Danilo Riva. Elenco: Anne Martins, Guilherme Moreira, Keli Santos, Laura Lopes e Suellen Souza e Natalia Policarpo. Quando: Sáb, 05/12 às 18:30. Onde: Sympla/ Zoom Link: https://www.sympla.com.br/conselho-de-classe__1069144

 

Contra AI5: Mulheres em luta versão online – Inspirado nos depoimentos apresentados à Comissão Nacional da Verdade, o Contra AI-5 expõe as violências de gênero da ditadura civil-militar brasileira. Em cena, as vozes de mulheres que contam suas narrativas de luta por um regime político democrático. Caminhando para o presente, as Mães de Maio surgem questionando o silenciamento das mulheres periféricas que seguem organizadas em luta contra a violência estatal que permanece em nossa atual democracia. (120 min). Texto: Letícia Negretti. Direção: Nathália Bonilha. Elenco:  Ana Lúcia Felippe, Beatriz Belloti, Diane Boda, Elaine Lopes, Grasielle Gontijo, Jamile Rai, Jordania Miranda, Juliane Maria, Junia Magi, Letícia Negretti, Lua Negrão, Marba Goicochea, Maria Lúcia Branco, Mariá Guedes, Nathália Bonilha, Sui Teixeira e Teka Romualdo. Quando: Dom, 06/12 às 18h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/contra-ai5-mulheres-em-luta—-versao-online__1067069 (Youtube/Sympla)

 

Dentro – O espetáculo “Dentro” constrói uma linguagem de relações no formato remoto onde 9 personagens distintos estão prestes a presenciar um cataclisma que pode dizimar a raça humana. Ali eles compartilham memórias, angústias, alegrias, prazeres e desesperos. Eles discutem também sobre assuntos relevantes da atualidade como o avanço de doenças psicológicas, retratam o isolamento social e seus grandes motivos e reforçam o individualismo e instinto de sobrevivência buscando, ainda, um pouco de apoio e salvação nas outras pessoas. (45 min). Direção: Cássio Borges. Elenco: Beatriz Capucho, Cássio Borges, Elton Barbosa, Geovana Mara, Guilherme Tsuji, Isabel Ramos, Lucas Rosa, Marina Garcia, Priscila Cabett e Tom Carvalho. Quando: Qui, 03/12 às 19h30min. Onde: Sympla/ YouTube Link:  https://www.sympla.com.br/dentro__1069153

 

Desamor – Em um boteco sujo de um bairro popular na cidade de São Paulo, taxista machista e misógino que não consegue amar ninguém e faz michê com seus clientes tenta entender a atitude de um dos seus passageiros e repensa sua vida. Em meio a cervejas e pastéis frios, ele trava um diálogo solitário com a lembrança deste homem nobre que, através de um gesto de generosidade, o faz repensar toda sua trajetória de vida e levá-lo à redenção de seus valores religiosos, sexuais, morais e éticos. Durante o tempo em que passa ali, ele é atendido por uma garçonete. Sua sofrida história de vida, o filho que rejeita e que quer estudar violino, a ex-mulher que tira-lhe dinheiro, e sua filosofia barata de vida são questionados e seus valores repensados em um texto realista com tom contemporâneo carregado de poesia e emoção. (40 min). Texto: Walcyr Carrasco. Direção: Lucia Segall. Elenco: Dionisio Neto e Jade Diniz. Quando: Qui, 03/12 às 18h. Onde: https://www.sympla.com.br/desamor__1068519   (youtube/Sympla)

 

DESAMPAROS – Desamparos é um espetáculo digital criado no período da pandemia, com textos e concepção de Cléo De Páris e direção de Fábio Penna. Com recursos naturais e simples, grandes efeitos poéticos e imagéticos são trazidos à cena por Cléo Penna, sendo um respiro de delicadeza e afeto em meio ao caos. (20 min). Direção: Fabio Penna. Texto e Atuação: Cléo De Páris.. Quando: Sex, 04/12 às 23h. Onde: Instagram/Sympla

Link: https://www.instagram.com/cleodeparis/

 

Dog Day- Leitura encenada – Leituras encenadas de fragmentos da peça ‘Dog Day que integra o livro´ Dog Day e dialogos nas folhas em branco´ (EDIPUCRS , 2018). A peça retrata o amanhecer e adormecer de 10 personagens que perpassam por encontros e desencontros solitários numa cidade onde as luzes nunca se apagam. (40 min). Texto e Direção: Elenco: Fernanda Moreno, Ismael Goulart, Jacqueline Sabater, Juliana Katz e Tiago Martinelli. Quando: Sex, 04/12 às 22h. Onde: https://www.sympla.com.br/dog-day-leitura-encenada__1066806 (Zoom/ Sympla)

 

Elas – Brasil, 2020. Elas não estão juntas. O que eram dias, se tornaram meses e elas já perderam as contas. Apesar dos quilômetros que as separam um encontro é marcado em uma plataforma virtual: o olho no olho, o toque, o cheiro, a possibilidade de um último beijo não existem. E se tudo isso não tivesse acontecido, como estaríamos agora? (60 min). Texto: Carina Murias. Direção: Náshara Silveira e Sol Faganello. Elenco: Carol Moreno e Fernanda Heitzmann. Quando: Sáb, 05/12 e Dom, 06/12 às 21h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/elas__1067319 (Zoom/Sympla – Sáb, 05/12)

https://www.sympla.com.br/elas__1067363 (Zoom/Sympla – Dom, 06/12)

 

ELA+BECKETT – Texto escrito por José Roberto Jardim durante a quarentena e realizado com Fernanda Nobre, sua companheira, que mostra o encontro entre uma diretora e sua maior influência, Samuel Beckett, no dia em que os teatros da cidade serão fechados devido à pandemia. Por meio de um plano sequência esta conversa fala do medo da “morte anunciada do teatro”, do desejo que GODOTs retornem, assim como da força milenar do fazer teatral que perdurará para além deste momento e de nós próprios. (17 min). Texto e Direção: José Roberto Jardim. Elenco: Fernanda Nobre e José Roberto Jardim. *Este evento estará disponível para visualização durante toda a Satyrianas 2020. Quando: A partir de Quinta, 03/12 às 18h. Onde:  YouTube.  Link: https://youtu.be/Q42sZ2TKKPI

 

Ensaio sobre tela – Um experimento Cênico Digital que investiga a imagem poética e sua relação com o pitoresco diante das contemporâneas telas possíveis de serem exploradas. O convite é para contemplação em criação ao vivo, mas atenção ao encostar, a tinta está fresca! (30 min). Texto: Criação coletiva da 13ª Turma Técnico em Teatro – SENAC Ribeirão Preto. Direção: Lívia Bonhsack. Elenco: Guilherme Axt, Julia Alonso, Luene Dias, Matheus Silvano, Rafa Resende, Victor Carvalho, Wizzy. Quando: Dom, 06/12 às 17h. Onde: https://www.sympla.com.br/ensaio-sobre-tela__1067084 (Zoom/Sympla)

 

Entre a Sala e o Quarto – 2020. Ap. de classe média. Mulher, 57 anos com asma, é jogada num filme trash de horror com sua mãe de 81 anos. (40 min). Texto, Direção e Elenco: Sandra Viochez. Quando: Qui, 03/12 às 22h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/entre-a-sala-e-o-quarto__1067124  (Zoom/Sympla)

 

Espelho de Nós – A Cia Espelho apresenta o espetáculo ‘’Espelho de Nós” dirigido e escrito por Karoline Matias. O espetáculo conta a história de Luan que vive preso em sua zona de conforto, controlado pela sociedade. Enquanto Laura que leva a vida completamente diferente dele e faz questionamentos sobre a forma que ele vive. Com muita performance, dança e música o espetáculo traz muito bem delineada a questão do que é viver e felicidade, de como ela é manipulada através da nossa postura social, pela própria sociedade e atitudes que as vezes pensamos serem nossas, mas que são influências do mundo externo. Espelho de nós trás o conflito interno do ser humano de se encontrar em meio a tudo isso e ser frágil para se deixar afetar com a vida e evoluir, mas se manter intacto e convicto de seu modo de ser. (50 min). Texto e Direção: Karol Matias. Elenco: Karol Matias, Rick Lucas, Felipe Lima, Rai Monteiro, Gisele Lopes e Fernando Pereira. Quando: Sáb, 05/12 às 18h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/espelho-de-nos__1067173 (Zoom/Sympla)

 

Estado de Emergência – Há sempre a expectativa do arranque quando se vê duas pessoas sentadas num carro. (15 min). Texto: Afonso Junior Ferreira de Lima e Sandra Vilchez. Direção: Arinha Rocha e Sandra Vilchez. Elenco: Arinha Rocha e Sandra Vilchez. Quando: Dom, 06/12 às 19h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/estado-de-emergencia__1067190 (Zoom/Sympla)

 

Eu queria que alguém percebesse, mas ninguém percebeu – Um adolescente com transtornos mentais, relata seus traumas, dores, convivência familiar, depressão e a falta de vontade de viver em uma carta. Mas a motivação o permeia. Qual será o destino de Jonas? (40 min). Texto, Direção e Elenco: Tom Garcia. Quando: Qui, 03/12 e Sáb, 05/12 às 23h59min. Onde: https://www.sympla.com.br/eu-queria-que-alguem-percebesse-mas-ninguem-percebeu__1067253 (Zoom/Sympla – Qui, 03/12)

https://www.sympla.com.br/eu-queria-que-alguem-percebesse-mas-ninguem-percebeu__1067277 (Zoom/Sympla – Sáb, 05/12)

 

Fora da Ordem Digital – Oitava montagem da Cia Baiana de Patifaria (A Bofetada e Noviças Rebeldes), FORA DA ORDEM traz à cena o ator Lelo Filho interpretando cinco personagens. A peça, vista por mais de 7 mil pessoas ao longo de 6 anos nos palcos, ganha uma versão digital e passa a ser transmitida pela internet. Com uma mistura de teatro e cinema, FORA DA ORDEM tem como força motriz discutir questões que as manchetes estampam a cada dia e que parecem revelar um mundo em busca de algo que pode ser uma nova ordem. A historia da família Teles Pinto é contada a partir do período da ditadura e vem até os dias de hoje, dentre os temas abordados estão lá: o racismo, a homofobia, intolerâncias de vários tipos, conflitos de gerações e a luta de artistas pela liberdade. (75 min). Texto e Direção:  Lelo Filho. Quando: Sex, 04/12 às 21h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/fora-da-ordem—digital__1067264 (Zoom/Sympla)

 

Fragmentos de Saphatos – A peça discute a violência (preconceito, transfobia, antissemitismo, misoginia, racismo estrutural). Feito de recortes de jornal, as notícias são disparadas e – ao ficcionalizar a realidade até um limite intransponível – causam vertigem. (60 min). Texto: Sergio Zlotnic. Direção: Gabi Costa, Paula Barros Diva, Ricardo Koch Mancini e Sergio Zlotnic.  Elenco: And Costa, Gabi Costa, Ricardo Koch Mancini, Rodrigo Melgaço, Sergio Zlotnic e Well Almeida. Quando: Sáb, 05/12 às 22h30min e Dom, 06/12 às 16h. Onde: https://www.sympla.com.br/fragmentos-de-saphatos__1067739  (Zoom/Sympla – Sáb, 05/12)

https://www.sympla.com.br/fragmentos-de-saphatos__1068598   (Zoom/Sympla – Dom, 06/12)

 

Grita Paixão – O publicitário Fernando (Dionisio Neto) prepara-se para buscar sua nova namorada para assistirem o lançamento da sua nova campanha na tv quando recebe a visita inesperada de sua ex-mulher, a poetisa Talita (Marisol Ribeiro). Na madrugada que passam juntos, relembram os bons momentos do relacionamento, as dores e os prazeres da vida a dois. Ao nascer do sol, uma grande surpresa acontece e redimensiona todo o ocorrido. (59 min). Texto: Walcyr Carrasco. Direção: Dionisio Neto. Elenco: Dionisio Neto e Marisol Ribeiro (stand-in Jade Diniz). Quando: Dom, 06/12 às 20h. Onde: Sympla/ Instagram. Link: https://www.sympla.com.br/grita-paixao__1069288

 

Huis Clois Pandèmie – Houis Clos Pandémie revive a máxima existencialista “o inferno são os outros”, nessa adaptação do clássico “Entre Quatro Paredes”, de Jean Paul Sartre. Três desconhecidos são condenados a viver eternamente conectados. No inferno contemporâneo as personagens estão presas em salas e obrigadas a conviverem através da conexão digital. (100 min). Texto e  Direção: Vanessa Frisso. Elenco: Cássia Capellini, Fabiane Galiza, Paulo Coelho e Roger Ferreira. Quando:  Sáb, 05/12 às 20h30min. Onde: Sympla/Zoom. Link: https://www.sympla.com.br/huis-clois-pandemie__1067602

 

Jonas e a Baleia – O diretor de banco Amadeo (Dionisio Neto) passa uma tarde no flat do ex-namorado de sua filha com quem mantem um relacionamento sexual, o jovem Jonas (Pedro Nasser). Na tarde que passam juntos, o jovem amargurado pela vida conta sobre seu passado e a origem de seu nome. Um final surpreendente coloca o relacionamento deles em xeque. (29 min). Texto: Walcyr Carrasco. Direção: Lucia Segal. Elenco: Dionisio Neto e Pedro Nasser. Quando: Sex, 04/12 às 20h30min. Onde: Sympla/ YouTube. Link: https://www.sympla.com.br/jonas-e-a-baleia__1069652

 

Jonas e a Baleia – Baseada na Bíblia. Jonas um profeta teimoso. Com muita dança, música e humor. E ação como na luta do anjo contra o demônio. (40 min). Texto e Direção:  Silvio Mello. Elenco: Kimberly, Matheus, Raquel, Tina,Vânia e Luísa. Quando: Sáb, 05/12 às 19h. Onde: https://www.sympla.com.br/jonas-e-a-baleia__1061147  (Facebook/Sympla)

 

Leitura – As personagens se agitam na situação trágica de tentarem existir. Quando tudo em torno os sufoca e esmaga, se descobrem presas ao terrível vácuo pior do que a morte: a não existência. Texto: Timochenco Wehbi.  Elenco: Lih Martarello. Quando: Sex, 04/12 às 18h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/leitura__1067533 (Zoom/Sympla)

 

Lockdown – Amigos de internet revelam por videoconferência como o lockdown imposto pelas autoridades mudou suas vidas. (40 min). Texto e Direção: Elton Hélio. Elenco:  Cássio Racy, Ly Oliveira, Natali Duarte e Carolina Marafiga. Quando:  Sex, 04/12 às 17h. Onde: https://www.sympla.com.br/lockdown__1067631 ( Youtube/Sympla)

 

Mãos, Poesias dos Atos – Mãos, poesias dos atos, as manipulações do cotidiano. (30 min). Texto, Direção e Elenco:  Oswaldo Moraes. Quando: Dom, 06/12 às 20h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/maos-poesias-dos-atos__1061160   (Zoom/Sympla)

 

Medéia – Tragédia digital ao vivo – A feiticeira refugiada MEDEIA, depois de ser abandonada pelo marido e banida da cidade onde mora, arquiteta uma cruel vingança contra os responsáveis pelas humilhações a que ela e seus filhos são submetidos. A montagem, adaptada da obra de Eurípedes, utiliza a transmissão digital ao vivo para reforçar, por meio do isolamento das telas, as sensações, angústias e impotência dos personagens. (55 min). Texto: Stephanie Degreas. Direção: Marcos Suchara. Elenco: Gustavo Andersen, Heidi Monezzi, Marcela Gibo, Marcos Suchara, Ricardo Aires, Stephanie Degreas e Tiago Garcia. Quando: Sáb, 05/12 às 20h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/medeia-tragedia-digital-ao-vivo__1068663   ( Zoom/Sympla)

 

Meu Tio Paulo – Um ator se preparando para entrar em cena, enquanto se lembra dos passos do velho tio. Paula, seu tio sonhava em ser uma estrela do outro lado do oceano, na Europa. (17 min). Texto: Felipe de Moraes. Direção: Tatiane Daud. Elenco: Eliot Tosta. Quando: Dom, 06/12 às 17h. Onde: https://www.sympla.com.br/meu-tio-paula__1068884   (Instagram/Sympla)

 

Minha Amiga John Lennon – Karen é a convidada da noite na XXI Conferência de Depoimentos Inúteis, aonde ela irá contar ao público o fato inusitado vivenciado durante o período de isolamento social e que transformou sua vida. O acontecimento levará Karen por diversas reflexões sobre como o chamado “novo normal” está mexendo com o cotidiano das pessoas, e também, sobre as suas intersecções com os nossos comportamentos sociais e afetivos na Era da Informação. (30 min). Texto, Direção e Elenco: Taís Luna. Quando: Qui, 03/12, às 21h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/minha-amiga-john-lennon__1068720   ( Zoom/Sympla)

 

Mojubá – O Monólogo Mojubá transita entre: Brasilidade, o trabalhador rural, o cortador de cana e o Sagrado, os Guardiões deste mundo. O material e o espiritual estão em um mesmo círculo contínuo, engrenagem que faz a sustentação do mundo. No submundo estão os bóias-frias, são seres esquecidos, se escondem atrás de suas mãos calejadas, o sangue do corpo se mistura com a ferrugem do facão. (40 min). Texto, Direção e Elenco: Márcio Guimarães.  Quando: Sáb, 05/12 às 17h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/mojuba__1065099   (Youtube/Sympla)

 

Morro de Ti – Lupe é uma mulher de extremos e vive seu amor com Mauro com toda instensidade. Morre de amor e mata por amor. A traição de sua vizinha a conduz a uma vingança, executada com a ajuda de sua amiga Lore. Brizola é contratado por ambas para fazer um “”servicinho””. Tudo foge ao controle no decorrer de um único dia onde nada é o que parece ser. Entardecer. Anoitecer. Amanhecer. (80 min). Texto: Alejandro Genes. Direção: Cacá Toledo. Elenco:  Bruno Kott, Julia Carone, Natalia Gonzales, Paula Possani e Pedro Henrique Moutinho. Quando: Sex, 04/12 às 22h. Onde:

https://www.sympla.com.br/morro-de-ti__1068732   (Zoom/Sympla)

 

Muribéca Algo Sobre Viver – Os grupos Coletivo (In)comum (RJ) e Grupo Cênico Calabouço (PE) se reuniram para investigar as escritas dramatúrgicas contemporâneas do Nordeste. O Coletivo (In)comum é formado dos artistas oriundos do Nordeste que vieram estudar teatro na Unirio. Grupo Cênico Calabouço com mais de 20 anos de atuação em Pernambuco investiga as relações entre teatro e literatura a partir de uma pesquisa aprofundada entre palavra e imagem. O espetáculo Muribeca conta a história de uma mãe que vive do lixo, mas o poder público deseja retirá-la de seu lugar. Então ela desabafa suas dores e sua tragédia social a partir de suas palavras cortantes. (50 min). Texto: Marcelino Freire. Direção: Breno Fittipaldi. Elenco: Reinaldo Patrício. Quando: Sáb, 21h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/muribeca-algo-sobre-viver__1066773 (YouTube/Sympla)

 

O Belo (e a Fera) –  Ao voltar de um show, a cantora e atriz Ella (Giovanna Velasco) espera seu marido em seu quarto. Rodeada por delírios surrealistas, como em um pesadelo, ela tenta desesperadamente comunicar-se com ele, que mantem-se calado no pouco tempo em que fica com ela. Ela, só com sua gripe, destruída emocional e fisicamente, toma uma decisão que mudará seu destino para sempre. Texto e Direção: Dionisio Neto. Elenco: Giovanna Velasco. Quando:  Dom, 06/12 às 19h. Onde: Youtube/Sympla Link: https://www.sympla.com.br/o-belo-e-a-fera__1068910

 

O Futuro – O FUTURO foi escrito para participar da FEIRA PAULISTA DE OPINIÃO edição 2019/2020 a pedido de Cecília Boal. A provocação que guiou todos os dramaturgos foi a mesma da primeira Feira de Opinião: o que você pensa do Brasil hoje? O texto quer traduzir o que estava no meu pensamento: a angústia de uma juventude que assumirá o futuro de um país que lhe rouba a possibilidade de um futuro. (15 min). Texto: Newton Moreno. Direção: José Roberto Jardim. Elenco: Fernanda Nobre, José Roberto Jardim e Rodrigo Pocidônio. *Este evento estará disponível para visualização durante toda a Satyrianas 2020. Quando: A partir de Quinta, 03/12 às 18h. Onde:  YouTube. Link: https://youtu.be/qXbGNkjy04o

Oásis – Um deserto laranja, cenário que sobrou de uma catástrofe, em todo fim sempre podem nascer raízes da utopia, o carnaval serve como grito selvagem em uma metrópole desgastada. Neste recorte performático o cotidiano humano é parafraseado por animais que em meio a estes solos sociais inabitáveis tentam sobreviver e rabiscar futuros possíveis. A arte é um Oásis. A alegria escolha e manifesto. Poderíamos nós sobrevivermos a uma segunda onda? (30 min). Direção e Elenco: Hugho. Quando: Dom, 06/12 às 00h30min. Onde: Sympla/ Zoom. Link: https://www.sympla.com.br/oasis__1069399

 

Oh My Deusas! – Oh My Deusas é uma performance, com poemas, relatando um cenário histórico, real e atual de mulheres que passam por circunstâncias intimidadoras e muitas vezes resultando em uma atroz experiência. Em forma de poema, daremos voz e ações a narrativa de vidas femininas que são subjugadas pelo o homem e o sistema fálico , em que vivemos. Junto a esse ode, citaremos versos que facilitaram atolamentos emocionais e psicológicos, sucedendo em atitudes autodestrutivas. Este será o clamor pela menina que muitas não conseguem ser e pelas mulheres que continuam a morrer pela injustiça e a barbárie do homem, em sua erronia credulidade de que mulheres são suas servas e um buraco para seus perversos prazeres patológicos. (40 min). Texto e Elenco: Dai Moreira. Direção: Thadeu Vivas. Elenco: Quando: Sáb, 00h30min. Onde: Zoom/ Sympla Link: https://www.sympla.com.br/oh-my-deusas__1066780

 

O Inferno é um Espelho da Borda Laranja – Em diálogo com a madrugada que habita tudo que existe (a madrugada insone dos nossos tempos!), Wander B. se lança em direção ao inferno — e o inferno (por incrível que pareça!) não são os outros, mas um velho espelho da borda laranja. (55 min). Texto, Direção e Elenco: Wander B. Quando: Qui, 03/12 às 20h. Onde: https://www.sympla.com.br/o-inferno-e-um-espelho-da-borda-laranja__1066785 (Zoom/ Sympla)

 

Novos Normais: Sobre Sexo e Outros Desejos Pandêmicos – Vinte atores levam à cena desejos e sentimentos represados que se manifestam em tempos de “novo normal”: o sexo, as carências de afeto e contato físico, as saudades das rotinas abandonadas, as compulsões adquiridas ou intensificadas pelas drogas ilícitas e outros desejos e manias particulares. (90 min). Texto: Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez. Direção: Rodolfo García Vázquez.  Elenco: Alessandra Nassi, Alex de Felix, Alex de Jesus, Anna Kuller, André Lu, Beatriz Medina, Bruno de Paula, Dominique Brand, Elisa Barboza, Felipe Estevão, Guilherme Andrade, Heyde Sayama, Ícaro Gimenes, Ingrid Soares, Júlia Francez, Karina Bastos, Luís Holiver, Marcelo Vinci, Roberto Francisco e Vitor Lins. Quando: Qui, 03/12 às 22h/ Sex, 04/12 às 22h30min/ Sáb, 05/12 às 22h e Dom, 06/12 às 18h. Onde: Zoom/ Sympla. Link: https://www.sympla.com.br/novos-normais-sobre-sexo-e-outros-desejos-pandemicos__1069607 (03/12) às 22h

   https://www.sympla.com.br/novos-normais–sobre-sexo-e-outros-desejos-pandemicos__1070124 (04/12) às 22h30

   https://www.sympla.com.br/novos-normais-sobre-sexo-e-outros-desejos-pandemicos__1070133 (05/12) às 22h

https://www.sympla.com.br/novos-normais-sobre-sexo-e-outros-desejos-pandemicos__1070142  (06/12) às 18h

 

Os que Esperam a Hora de Morrer – Em um futuro pós-pandêmico, 50 anos após a quarentena da COVID-19, um homem que sobrevive com a ajuda de DILMA (a máquina purificadora de ar) decide gravar seus últimos dias de vida, até que ele encontra uma jovem moça a qual o da esperança de sobreviver em terreno fértil no planeta. Más a relação de ambos pode ser que não seja com a mesma intensidade, uma vez que esse homem, era um estuprador no mundo antes da pandemia. (40 min). Texto: Pedro Fagundes. Direção: Jonatan Cabret. Elenco: Monique Almeida e Tom Garcia. Quando: Sáb,  05/12 às 18:30. Onde: https://www.sympla.com.br/os-que-esperam-a-hora-de-morrer__1066789 (Zoom/ Sympla)

 

Página em Branco (leitura encenada) – Questionamento existencial, vontades, anseios, medos, vícios e coragem! Retrata a história de Alice, que está dividida em quatro partes, mergulhada em seu universo de loucuras, medo e solidão. Ela se depara com uma cena de crime e ao mesmo tempo enfrenta uma batalha pessoal para finalmente libertar-se das amarras impostas pela sociedade. A proposta é o mergulho no Universo feminino, onde um instante é um Universo de acontecimentos. (40 min). Texto: Alexia Annes. Direção e Elenco: Alexia Annes, Analice Pierre, Letícia Andréa, Isabela Prado e Amanda Matos. Quando:  Sáb, 05/12 às 18h. Onde: https://www.sympla.com.br/pagina-em-branco—leitura-encenada__1068763  (Zoom/Sympla)

 

Palavras ao Corpo – O espetáculo consiste em esquetes inspiradas em crônicas do cotidiano, usando a palavra em várias formas de expressão como: poesia, discurso, linguagem jornalística e depoimentos. O corpo é abordado através de metáforas e elementos sensoriais que validam a dramaturgia e o trabalho dos atores, levando a uma agradável experiência teatral. (50 min). Texto e Direção: Claudia Viggiano. Elenco: Gabriel Adorno, Lyana Silva, Matheus Carminatti, Stephani Oliveira. Quando: Dom, 06/12 as19h.  Onde: Sympla/ Zoom. Link: https://www.sympla.com.br/palavras-ao-corpo__1069271

 

Palíndromo – Um entrevistador e um candidato a uma vaga de emprego estão numa sala de uma grande empresa, separados por uma mesa, e nesse espaço, dividido e tensionado, se estabelece uma relação desigual entre os dois, em que situações vão surgindo através de estranhos métodos de análises e entrevistas, onde as contradições de cada um deles vão à luz através das fraturas entre seus papéis, cargos e funções. Texto e Direção: Willian Maciel. Elenco: Lucas Valadares e Márcio Santiago. Quando:  Sex, 04/12 às 19h30min. Onde: Sympla/ YouTube. Link: https://www.sympla.com.br/palindromo__1069268

 

Parto (leitura cênica) – Parto é um espetáculo que narra o encontro de duas mitologias. De um lado, uma reinterpretação de Narciso, o jovem caçador grego que morreu ao olhar o próprio reflexo. De outro, uma elaboração de Oxum, a divindade africana d’água docee do amor.

Parto é o que nasce desse encontro. É também o que morre e renasce a partir dele. (50 min). Texto: Rafael Cristiano. Direção: Eliane Weinfurter. Elenco: Eliane Weinfurter e Rafael Cristiano. Quando: Sex, 04/12 às 18h30min. Onde: Sympla/ Zoom Link: https://www.sympla.com.br/parto—leitura-cenica-do-espetaculo__1069686

 

Pérolas – Nicole e baby, duas Drags amigas, que moram juntas e lutam por uma vida melhor.
Sonham em sair de uma vida decadente, mas esbarram em um dos maiores erros do ser humano, a desconfiança. (30 min). Texto: Ghell Silva, Maycon Turell e Herbert Freitas.Direção e Elenco: Maycon Turell e Hebert Freitas. Quando: Sáb, 05/12 às 19h. Onde: Sympla/ Zoom. Link: https://www.sympla.com.br/perolas__1069515

 

Pipoca Live Cênica – Pipoca é uma live cênica. Em uma sociedade que atualmente está muito presente nas redes sociais, compartilhando suas vivências e escancarando seus diários, essa peça online coloca o público no limiar do que é, ou não, íntimo. Flávio e Fernando se conheceram em uma viagem e passaram a se relacionar virtualmente, mas a distância se revela um terceiro elemento entre eles. (30 min). Texto: José Guilherme. Direção: Betto Marx e Isaac Ruy. Elenco: Betto Marx e Isaac Ruy. Quando: Dom, 06/12 às 21h. Onde: Sympla/ Zoom.  Link: https://www.sympla.com.br/pipoca-live-cenica__1069264

 

Pirotécnico Zacarias – O que você faria se encontrasse um amigo que considerava morto? Uma alucinação? Um Fantasma? Ou apenas uma nova forma? Direto do mundo fantástico das obras de Murilo Rubião, vamos conhecer o mistério de Zacarias, o artista pirotécnico, que entre delírios, busca ansioso nos jornais, notícias para abrigar sua nova existência. (20 min). Texto e Direção: Luciano Paullo. Elenco:  Gabriel Ferreira. Quando: Sáb,04/12 às 21h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/pirotecnico-zacarias__1068841  ( Instagram/Sympla)

 

Poesia Pra que? – O espetáculo amarra a poesia de poetas capixabas a diversos nomes da poesia nacional em uma dramaturgia contínua onde não se sabe qual é de um e qual é de outro. Com toques de ironia levantamos a questão do “por que escrever?”, e as ramificações deste pensamento, sem efetivamente buscar responder tais perguntas, buscamos estimular nosso público refletir sobre elas. (20 min). Texto e Direção: Brenda Perim e Marco Antônio Reis. Elenco:  Amanda Malta, Brenda Perim, Leonardo Dariva, Luan Tofano e Marco Antônio Reis. Quando: Qui, 03/12 às 18h.

Onde: https://www.sympla.com.br/poesia-pra-que__1066793 (Zoom/Sympla)

 

Polaroides Secretas – Inspirada na obra de Andy Warhol, “Polaroides Secretas” retrata indivíduos solitários em uma sociedade líquida e midiática. Neste mundo, que um dia foi distópico, pessoas compartilham suas vidas para que elas tenham algum sentido. (35 min). Texto e Elenco: Drica Czech, Carla Vazquez, Cintia Takeda, Maíra Machado, Marília Viana, Paula Chande, Roberta Azevedo, Stephanie Degreas, Andreony, Bruno Ospedal e Guilherme Barcelos. Direção:   Renato Andrade. Quando: Sáb, 05/12 às 22h30min. Onde:  Sympla/Zoom. Link: https://www.sympla.com.br/polaroides-secretas__1069253

 

Quarentenegação – Passar a quarentena sozinha em casa é igual a muito tempo pra pensar e refletir sobre si mesma e os outros, e como as relações eram e podem vir a ser.

A montanha russa emocional que sentimos durante a pandemia é comparada com as fases de um luto, mas como saber se estamos em negação ou aceitação? (20 min). Texto e Elenco: Carol Cucick. Quando: Qui, 03/12 às 18h. Onde: https://www.sympla.com.br/quarentenegacao__1065063 (Instagram/Sympla)

 

Realidade Suicida – Diante de uma pandemia mundial, um homem percorre os abismos de sua alma ao ter que lidar com a angustia do confinamento. Partindo de uma atmosfera onírica e existencialista, ele precisará encarar de frente o exílio, sob um olhar antropológico, íntimo e politico da vida que o cerca, exorcizando seus fantasmas com muita paixão e fúria na busca pela redenção. A poesia é seu grande manifesto. (40 min). Texto e Elenco: Erick Antoniazzi. Direção: Marcello Caridade. Quando: Dom, 06/12 às 19h30min. Onde: Sympla/ YouTube. Link: https://www.sympla.com.br/realidade-suicida__1069538

 

Retrato do Machismo no Brasil – Duas mulheres que passam pelo mesmo problema, em diferente nível uma da outra, um relacionamento abusivo; enquanto um relacionamento é bem mais pesado na forma de tratamento, deixando o machismo claro para o público, o outro aparenta um casal comum que passam apenas pelo problema do desemprego, mas que por trás disso também esconde um abuso do marido, nos fazendo refletir de que nem todo relacionamento abusivo igual. (40 min). Direção:  Sandro Coimbra. Elenco: Johnny Salvi, Léo Almeida, Rick Luccas, Rubia de Ponte e Thais Monteiro. Quando: Sex, 04/12 às 23h30min. Onde: Sympla/ YouTube. Link: https://www.sympla.com.br/retrato-do-machismo-no-brasil__1069160

Ruínas e Construções – Em interlocução direta com o público, Ivam Cabral conta a história de sua mãe, Eunice, cuja vida foi atravessada pela obra de Virgínia Wolf de forma inesperada. Mulher de pouco estudo e vida muito pobre, cultivava o hábito de reunir os doze filhos após o jantar para que lessem juntos algum livro. A história de Eunice começa a mudar quando seu filho Ivam traz da biblioteca escolar um conto de Virginia Wolf numa tradução manuscrita por uma misteriosa baronesa que viveu na cidade. A partir daí, vidas e enredos distintos se entrelaçam enigmaticamente ao ano de 1991, numa história de improváveis – e verídicas – coincidências e segredos revelados.Texto: Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez. Direção: Rodolfo García Vázquez. Atuação: Ivam Cabral. Quando: Quin, 03/12 às 21h30. Onde:  Sympla / Zoom. Link: https://www.sympla.com.br/ruinas-e-construcoes—viradinha-os-satyros__1064310

Sacrifício de Si Próprio – Sacrifício de si próprio é uma auto reflexão sobre o ego, o Ser Humano, e o reconhecimento das limitações enquanto Ser Material errante e nocivo muitas vezes aos demais. (40 min). Direção: Fransérgio Araújo. Elenco: Letícia Pereira. Quando: Dom, 06/12 às 21h. Onde: https://www.sympla.com.br/sacrificio-de-si-proprio__1067351 (Instagram/Sympla)

 

Selfie Clássicos1 – Personagens femininas clássicas de obras da literatura, cinema e teatro de língua portuguesa, com textos adaptados para o formato de curta-metragem, interpretado por atrizes em monólogo. (60 min). Direção: Rodrigo Ferraz. Elenco: Camilla Camargo, Clodd Dias , Evelyn Simões, Bárbara Bruno, Carola Valente, Vanessa Garcia. Quando: Qui, 03/12 às 22h30min. Onde: Sympla/ YouTube .  Link: https://www.sympla.com.br/selfie-classicos-1__1066759

 

Selfie Clássicos2 – Personagens femininas clássicas de obras da literatura, cinema e teatro de língua portuguesa, com textos adaptados para o formato de curta-metragem, interpretado por atrizes em monólogo. (60 min). Direção: Rodrigo Ferraz. Elenco: Eliana Guttman, Whintney Polato , Juliana Bebé, Carolina Angrisani, Samira Lochter, Débora Olivieri. Quando: Sex, 04/12 às 22:30. Onde: Sympla/ YouTube.  Link: https://www.sympla.com.br/selfie-classicos-2__1069529

 

Selfie Clássicos3 – Personagens femininas clássicas de obras da literatura, cinema e teatro de língua portuguesa, com textos adaptados para o formato de curta-metragem, interpretado por atrizes em monólogo. (60 min). Direção: Rodrigo Ferraz. Elenco: Marina Nogueira, Suka Rodriguez, Giovana Lima, Denise Del Vecchio, Alana Lial, Claudia Provedel. Quando: Sáb, 05/12 às 22h30min. Onde: Sympla/YouTube.  Link: https://www.sympla.com.br/selfie-classicos-3__1069507

 

Se Eu Fosse Eu – Monólogo do texto de Clarice em homenagem ao centenário . A História se passa na casa de Roberta uma jovem que acabou de demitida  na pandemia. Ela Resolve ligar para seu amigo, ela começa a pensar sobre quem ela é , se ela está fazendo as coisas que realmente queria fazer na sua vida. Texto: Clarice Lispector. Direção e Atuação: Ana Claudia Barreiros Pietsch Cunha. Quando: Qui, 03/12 às 21:30. Onde: Sympla/YouTube Link: https://www.sympla.com.br/se-eu-fosse-eu—monologo-do-texto-de-clarice-lispector__1069062

 

Striptease Emergencial – Desesperado com as dívidas, sem teatro e sem plateia por causa da pandemia, um dramaturgo não encontra outra saída senão contratar uma professora de “strip-teases” e se lançar no mundo das lives pagas para “only fans”. (20 min). Direção: Roldolfo Lima. Elenco: Alexandre Cruz e Wilson Granja. Quando: Sáb, 05/12 às 00h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/strip-tease-emergencial__1068864   (Zoom/Sympla)

 

Targu – Histórias não Contadas Sobre Tarsila do Amaral e Pagu – A relação de Tarsila do Amaral e Pagu ao longo de 3 anos, é vivida em uma noite quando as duas se encontram no ateliê de Tarsila. Em um diálogo entre elas, e o público, todos são transportados para os anos 20/30 e convidados a reviver momentos importantes na vida de ambas as artistas. Desde a semana de arte moderna, a relação com outros artistas, e a traição de Oswald de Andrade e Pagu para com Tarsila. (50 min). Texto:  Jane Carcolinns e Deborah Zanette. Elenco: Jane Carcolinns e Mariana Costa. Quando: Sáb, 05/12 às 17h30min. Onde: Sympla/ YouTube. Link: https://www.sympla.com.br/targu—historias-nao-contadas-sobre-tarsila-do-amaral-e-pagu__1069102

 

Tem Alguém aí me Escutando? – Um casal de jovens dialogam entre si, numa vídeo chamada relatando suas preocupação e vontades existenciais. Cada um está em um lugar diferente, na qual desabafam uma repetição de cenas anteriores, tão frequentes que se tornaram patéticas, pois nada mais resta do que a aceitação de uma situação inalterável entre eles, sem nenhuma esperança de mudança. Esse experimento é uma adaptação inspirada livrimente na obra do Tennessee Willians – Fala Comigo Doce Como a Chuva. (30 min). Texto: Cleber Cley Braz e Geovane Oliveira. Direção e Elenco: Cleber Cley Braz e Geovane Oliveira. Quando: Sex, 04/12 às 20h30min. Onde: Sympla/ YouTube Link:https://www.sympla.com.br/tem-alguem-ai-me-escutando-__1069164

 

Thalassa : Vinda do Mar – Pensamentos. Reflexões. Desabafos. Com o isolamento social, a relação com o próprio corpo e sobre o que deve ser a constituição da mulher ideal foram questionados. A relação com a autoestima, assim como com o mar, é complexa demais para ser descrita em poucas palavras. Essa e outras questões são tratadas pelo espetáculo online, de modo a proporcionar uma experiência crítico reflexiva. (60 min). Texto e Direção: Heloisa Nogueira e Letícia Rodrigues. Elenco: Ana Iost, Heloisa Nogueira, Letícia Rodrigues e Luiza Caetano. Quando:  Dom, 06/12 às 18h30min. Onde:  Sympla/Zoom. Link: https://www.sympla.com.br/thalassa-vinda-do-mar__1069277

 

Todo Mundo Tem Um Pouco – Um espetáculo cômico que tem como tema a saúde mental. A história ocorre em Salvador em 1996, um ano após a queda de um meteoro cuja radioatividade atribuiu poderes especiais para algumas pessoas. Muitos destes indivíduos foram internados em um Hospital Psiquiátrico, tendo sua sanidade mental contestada. Um médico recém contratado tem a missão de diagnosticar esses pacientes. (60 min). Texto: Ruan Passos. Direção: Elionai do Vale e Ruan Passos. Elenco: Beatriz de Oliveira, Bruna Pena, Elen Rodrigues, Gabriela Borges, Igor Andrade, Jorge Côrtes, Luan Castro, Luciana Santiago, Ruan Passos e Thiago Vasconcelos. Quando: Dom, 06/12 às 15h. Onde: Sympla/YouTube. Link: https://www.sympla.com.br/todo-mundo-tem-um-pouco__1069112

 

Todos os Sonhos do Mundo – Para celebrar 30 anos de carreira, o ator e dramaturgo Ivam Cabral leva à cena seu solo/recital, que estreou em 2019, no qual mescla relatos sobre sua formação pessoal e artística, sua origem em Ribeirão Claro (pequena cidade da região norte do Paraná) e suas andanças pelo mundo com sua companhia, Os Satyros. O cerne do trabalho é calcado no processo de depressão que Ivam Cabral viveu a partir de 1999, quando foi diagnosticado bipolar. A estrutura cênica é simples: um palco digital vazio; um ator desprovido de figurinos ou adereços; um diálogo direto com o público. A estrutura dramatúrgica de “Todos os Sonhos do Mundo” parte de “O demônio do meio-dia – Uma anatomia da depressão”, de Andrew Solomon, obra-chave para o estudo e compreensão do transtorno, eleito um dos cem melhores livros da década de 2000 pelo jornal britânico The Times. (60 min). Texto: Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez. Direção: Rodolfo García Vázquez. Elenco: Ivam Cabral. Quando: Quin, 03/12 às 23h30 e Dom, 06/12 às 20h. Onde:  Sympla / Zoom Link Qui, 03/12: https://www.sympla.com.br/todos-os-sonhos-do-mundo__1070717 Link Dom, 06/12: https://www.sympla.com.br/todos-os-sonhos-do-mundo__1039014

 

Um Dedinho de Amor – Ao encontrar um anúncio de terapia coletiva no jornal, Cristina decide participar de uma sessão e compartilha com o grupo seus traumas e desilusões. Lá, ela mergulha nas memórias do seu relacionamento com a mãe e expõe suas emoções, lembrando da infância. (10 min). Texto:  Elisa Elucinda. Direção e Elenco: Patrícia Oliveira. Quando:  Sex, 04/12 às 18h.  Onde: https://www.sympla.com.br/um-dedinho-de-amor__1066801 (Instagram/Sympla)

 

Um Disparo para Vidas – O espetáculo conta a história do aluno Jonathan após um tiroteio na escola, mas detalhe, ele é o atirador. Perseguido e confrontado por suas vítimas que buscam entender o porquê dele tê-los matado, acessando emoções, sentimentos e reflexões sobre aspectos das relações ao longo da vida, Jonathan entra em um debate se tudo aquilo era necessário, mas fica o questionamento: será que realmente aconteceu ou fora fruto de sua imaginação? (50 min) Texto: William Mastrosimone. Direção: Gustavo Morabito. Elenco: Ana Vieira, Deborah Louise, Gustavo Morabito, Isabella Prado, Leticia Orvate, Lucas Correia, Rafael Hernandes, Suellen Freitas, Thiago Darcia. Quando: Sex, 04/2 às 22h. Onde: Sympla/ Googledrive Link: https://www.sympla.com.br/um-disparo-para-vidas__1069547

Zé do Burro no Tik Tok Verso – Uma adaptação livre da peça “O Pagador de Promessas” de Dias Gomes. O espetáculo acompanha Zé do Burro na tentativa de salvar seu amigo e cumprir uma promessa, enquanto a cidade e a Igreja o impedem. Adaptação da linguagem teatral para as redes sociais, com filtros, memes e efeitos. (14 min). Texto e Direção: Alain Catein. Elenco: Alain Catein e Rodrigo Gil. Quando: Qui, 03/12 às 18h30min. Onde: https://www.sympla.com.br/ze-do-burro-no-tik-tok-verso__1068817   (Instagram/Sympla)

 


Comments are closed.

Back to Top ↑
  • Twitter


  • Facebook