MOSTRA “EU, NICOLE PUZZI, POSSUÍDA PELO PRAZER”

Uma realização da Associação dos Artistas Amigos da Praça (Adaap), ELA – Escola Livre de Audiovisual, Cinemateca Brasileira e Canal Brasil, a Mostra “Eu, Nicole Puzzi, Possuída Pelo Prazer”, acontece, gratuitamente, em São Paulo.

Onde: Cinemateca.

Curadoria: Ivam Cabral, Márcio Áquiles e Rodolfo García Vázquez

 

QUINTA, 11 DE OUTUBRO

 

19h – COMO SETE VAMPIRAS (77 min – SP) – Ivan Cardoso. Na década de 50, o cientista Fred importa da África uma planta carnívora rara. Como o vegetal foi pouquíssimo estudado, ele prepara um antídoto para possível efeito que ele possa causar. Sílvia, a esposa, preocupada com o novo objeto de estudo do marido, deixa o trabalho e vai vê-lo em sua estufa de plantas. A planta carnívora havia devorado Fred e Sílvia recebe uma mordida. Depois do incidente, acontecem uma série de crimes inexplicáveis, em que as vítimas ficam totalmente sem sangue.

21h – EU ( 124 min – SP) – Walter Hugo Khouri. Marcelo reúne lindas mulheres à sua volta, numa casa de praia. Mas é sua filha, Berenice, que se revela como sua verdadeira paixão.

 

SÁBADO, 13 DE OUTUBRO

 

17h – ARIELLA (100 min – SP) – John Hebert. As descobertas da sexualidade e da identidade de Ariella, criada sem saber pela família responsável pela morte de seus verdadeiros pais. Sua única fuga é o sentimento pela noiva de seu irmão. Adaptação de “A Paranóica”, best-seller da escritora Cassandra Rios.

19h – RETRATO FALADO DE UMA MULHER SEM PUDOR (112 min – SP) – Jair Correia e Hélio Porto. Paula, uma bela mulher, ex-aeromoça, ex-esposa de um milionário e modelo profissional, é encontrada morta em sua banheira. A polícia, em busca do assassino, se depara com sete suspeitos, todos homens muito poderosos que mantiveram estreito relacionamento com a vítima, tendo motivos para matá-la.

21h – LEMBRANÇAS DE MAYO (29 min – SP) – Flávio C. von Sperling. Zilda vai a um show na companhia do namorado, mas começa a se interessar por um rapaz da banda. Os dois iniciam um tórrido relacionamento, mas um dia ela simplesmente decide mudar.

21h30 – DAMAS DO PRAZER (82 min – SP) – Antônio Meliande. Os desejos e contradições de um grupo de prostitutas, formado por novatas e veteranas, diante da dura realidade do mercado do sexo na Boca do Lixo, em São Paulo.

 

DOMINGO, 14 DE OUTUBRO

 

16h – O BOM BURGUÊS (99 min – SP) – Oswaldo Caldeira. Para contribuir com a luta revolucionária, o funcionário de um banco começa a desviar uma grande quantia de dinheiro da agência onde trabalha, envolvendo-se em uma trama de violência e jogos de poder.

18h – EROS, O DEUS DO AMOR (124 min – SP) – Walter Hugo Khouri. Marcelo é casado com Eleonora, é pai de Berenice. Por intermédio de Ana, sua atual amante que trabalha numa galeria de arte, lembra suas fascinações e seus amores pelas mulheres que passaram pela sua vida: a mãe desejada, a antiga professora de inglês, a empregada que cuidava dos cavalos da fazenda, entre outras histórias.

20h – POSSUÍDAS PELO PECADO (102 min – SP) – David Cardoso. Leme é um homem rico e sente-se frustrado por não ter tido um filho em seu casamento com Raquel. Entrega-se à bebida e a amores passageiros com suas secretárias, até ser ludibriado por André, seu motorista, e Dora, filha da governanta da casa, numa trama envolvendo a gravidez da moça.

 


Comments are closed.

Back to Top ↑
  • Twitter


  • Facebook